Veja nossas redes sociais

NETFLIX

Crítica White Gold (Disponível na Netflix)

Conte aos amigos!

Vemos em White Gold um clássico estilo de narração que quebra a quarta parede(quando o personagem fala direto com quem assiste) que é uma, digamos… uma receita copiada do filme o Lobo de Wall Street e tantos outros, que traz tanto no filme Lobo de Wall Street quanto na série um personagem arrogante e auto intitulado cretino ambicioso e bom de lábia que consegue convencer seus clientes a comprar qualquer coisa, é um cara que faz sucesso apenas na vida profissional deixando em último plano família e dando lugar apenas a sua ambição e prazer não SE importando com ninguém. Você pode até pensar que estou insultando muito o personagem, mas realmente se ele fosse real iria encarar como um elogio.

Sinópse

Essex, 1983. O vendedor Vincent (Ed Westick) precisa usar o carisma e a lábia para chamar atenção no showroom onde trabalha. Mas ele vê que isso não é o suficiente e deixa de lado a moral para se dar bem em cima da concorrência.

 

 

A série traz um aspecto retrô da época de 1990, sobre a vida dos vendedores de janelas sem escrúpulos , com cenas gratuitas de genitálias  não amostra mas incoveniente e sexo tentando se encaixar em meio a cenas “quase cômicas”, acredito que se você assistiu The inbetweeners  vai sacar a “referência”, na verdade cópia absurda, mas não vou entrar no mérito de julgar o quanto foi copiado dessa obra que também não é acima do mediano.

 

 

 

Nerdzando Gif White Gold 2

 Como previsto pelo piloto, se você é daqueles que tenta adivinhar o que vai rolar na série depois do primeiro episódio, vai meio que deduzir que possivelmente Vincent tenha fome de poder e acabe afastando sua família e que acabe competindo mais e mais, por poder e dinheiro em meio a traições e uso de substâncias e no final (que no momento que escrevo isso ainda não saiu) ele acabe sozinho e que ele talvez tente recuperar os valores imateriais que ele nunca buscou para se sentir feliz . Bom, pelo menos é a minha aposta.

 

 

 Particularmente eu assisti a 1ª temporada e as piadas forçadas, cenas desnecessárias para tentar ser cômico e a “forçação de barra” do recurso de quebra de quarta parede para se aproximar de quem está assistindo, em uma receita muito desgastada sem trazer muitos elementos novos torna a série menos empolgante para certo público, mas talvez agrade um pouco de quem gosta de um galã interpretando um arrogante e cretino nos negócios e com as mulheres, sei lá, gosto é gosto, cada um tem o seu. Na minha opinião não é uma grande série, sinceramente não recomendaria, mas vou ver o que se segue na segunda temporada, para talvez atualizar esse texto com alguns adendos positivos, pois até o momento não houve quase nenhum.

Veja o trailer abaixo do primeiro episódio, assista a série e tire suas próprias conclusões e comente abaixo o que você achou. *Spoilers nos comentários serão banidos.

 

White Gold (Netflix)

5.7

57

5.7/10

Pros

  • Fotografia dentro da qualidade esperada

Cons

  • Cenas forçando o cômico
  • Nenhuma novidade de roteiro
  • Ritmo enjoativo ao longo da temporada
Advertisement
Clique aqui para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NETFLIX

THE RAIN VALE A PENA? (CRÍTICA SEM SPOILERS) Café Nerd

Conte aos amigos!

 Mais um pouco sobre The Rain. Nesse vídeo eu te conto minha opinião sobre a temporada. Vale a pena assistir? Assiste o vídeo que você vai saber. Aproveita e deixa o like, se inscreve e me segue.

 

Apoie o Café Nerd: https://apoia.se/cafenerd _

Inscreva-se no canal: https://goo.gl/TscXTY

Facebook: https://www.facebook.com/david.balista

Facebook Café Nerd: https://www.facebook.com/1cafenerd

Twitter: https://twitter.com/davidbalista

Instagram: https://www.instagram.com/davidbalista

Contato: david.balista.db@gmail.com

 

 

 

White Gold (Netflix)

5.7

57

5.7/10

Pros

  • Fotografia dentro da qualidade esperada

Cons

  • Cenas forçando o cômico
  • Nenhuma novidade de roteiro
  • Ritmo enjoativo ao longo da temporada
Continue lendo

ANIME

Violet Evergarden- Original Netflix

Conte aos amigos!

Mais uma obra da Netflix, da temporada 2018, a obra em questão é o anime Violet Evergarden, onde é retratado a história de uma garota, mas não uma garota comum obviamente, esta garota em questão é basicamente uma arma, uma criança criada dentro da guerra, onde ela desconhece quaisquer emoções humanas.

 O objetivo do anime em questão não retratar a guerra em si e tudo o que aconteceu nela, e sim o pós guerra, as dificuldades da adaptação da garota ao mundo ao qual ela nunca vivenciou antes. Baseada em uma série de Light Novel, que venceu muitos prêmios no Japão e atualmente adaptada para uma série animada.

A animação visualmente magnifica, graficamente falando dá uma aula em outras animações da temporada, mostrando que um anime não precisa de apenas clichês básicos e lutas empolgantes, mas sim um enredo envolvente e um visual mais do que esplêndido.

O anime retrata bem a ideia de um ex-soldado, onde toda a realidade, tudo aquilo que é natural se torna fora do comum. As marcas emocionais e físicas a afligem, perdendo seus dois braços na guerra e tendo substituído eles por próteses, Violet também sofria por não saber o que aconteceu com seu superior, aquele que a criou e ensinou tudo o que ela sabia,  as ultimas palavras que ela ouviu dele foram “Eu te amo”, palavras que pra ela não tinham sentido algum já que foi criada dentro da guerra, tornando-a desprovida de emoções ou de qualquer senso de humanidade.

Estas palavras se tornam o pivô para que Violet se torne uma Autômata de auto memória, uma profissão na qual mulheres são contratadas para escrever cartas, mas não apenas simples cartas , o pagante fala e elas descrevem as emoções deles nas cartas, decifrando todo o sentimento do cliente. Ela queria se tornar uma autômata para descobrir o que as palavras que seu superior falou significavam, fazendo com que Violet tivesse um novo propósito para viver.

Durante sua adaptação para o mundo após a guerra, Violet encontra muitas dificuldades principal como autômata. A dificuldade em compreender os sentimentos por trás das palavras a atrapalham, tornado assim ela uma autômata incompetente.

Porém ao longo de sua jornada ela vai cada vez mais enfrentando e vencendo suas barreiras. A impressão que o anime passa, é de que cada episódio são uma carta de determinado personagem para Violet, de como a conheceram e como ela acabou mudando suas vidas.

 Por mais que ela tenha muita dificuldade para entender as pessoas, sua sinceridade absurda, tornam ela uma pessoa confiável e muitas vezes amorosa, sendo muitas vezes rude ela acaba dizendo aquilo que cada um precisa ouvir, a verdade muitas vezes dói, porém é mais do que necessária.

Ao longo do anime é nítido o quão Violet é importante e completa vida de cada um ao seu redor, ao mesmo tempo cada um a volta dela a torna melhor como pessoa.

Resumindo um anime emocionante muito forte, com varias viradas no roteiro, tornando cada vez mais interessante e ao mesmo tempo mostrando uma realidade já vivida por muitos, os bastidores por trás da guerra, de sua causa e efeito. Mais do que recomendado, curto e acaba valendo muito mais a pena do que um shounen de 500 episódios.

 

White Gold (Netflix)

5.7

57

5.7/10

Pros

  • Fotografia dentro da qualidade esperada

Cons

  • Cenas forçando o cômico
  • Nenhuma novidade de roteiro
  • Ritmo enjoativo ao longo da temporada
Continue lendo

ANIME

Kujira no Kora wa Sajou ni Utau – Filhos Da Baleia – Crítica & Análise

Conte aos amigos!

Mais uma produção da Netflix, com um enredo interessante e um visual maravilhoso. Kujira no Kora conta tanto com conflitos emocionais quanto físicos, um desenrolar da trama meio demorado porém espetacular. Há algumas criticas um tanto quanto injustas, devido ao fato de que muitos procuraram o anime pelas lutas e o que poderia ser gerado disso, porém seu maior foco é sua história, seus personagens e seus conflitos emocionais.

O visual é impecável, animação é mais do que linda e todo o traçado e a qualidade gráfica trazem uma sensação prazerosa ao se assistir, em alguns episódios há uma variação de cores e brilhos que iluminam a vista mostrando cada vez mais até onde a qualidade gráfica de uma anime pode chegar. Este visual maravilhoso combinada junto com uma trilha sonora fantástica, tornando assim um anime visualmente e sonoramente agradável e prazeroso de se acompanhar.

 

O drama se desenrola nos habitantes da Baleia de Lama, uma ilha flutuante que está a deriva em um mar de areia. Há dois tipos de moradores nesta ilha, os marcados e os não marcados. Os moradores considerados marcados tem uma estranha habilidade de levitar objetos, essa habilidade é chamada de timia, porém junto com essa habilidade vem uma curta expectativa de vida, os marcados costumam viver cerca de vinte e poucos anos. Os habitantes não marcados são pessoas comuns, estes tem o fardo de comandar a Baleia de lama, são estes os lideres e pessoas consideradas importantes.

Seus habitantes vivem o terrível destino de viver a deriva neste mar de areia, sem saber o que há no mundo exterior e sem ter contato algum com outros humanos, sendo assim aqueles que vivem ali não tem noção alguma do que há no mundo. Ao longo dos anos muitas ilhas desertas, muitas vezes com vestígiosde civilização passam pela baleia de lama, quando isto acontece, os habitantes da Baleia vão até lá coletar recursos, porém na ultima vez que apareceu uma ilha, eles encontram uma garota, que também utilizava a timia.

Neste momento o anime começa a se desenrolar, percebesse que eles não estão sozinhos nesse vasto mar de areia e junto com esta garota muitos outros mistérios são descobertos pelos habitantes da Baleia de Lama. A garota vem de outra civilização, ela se demonstra apática e sem emoção alguma, nada para ela tem significado algum e emoções como as que humanos comuns tem para ela é considerado como fraqueza.

A partir disso, tudo na trama vai se desenrolando, acontecem batalhas e conflitos, cada vez mais dúvidas são tiradas e a trama vai cada vez mais se mostrando interessante, porém esse desenrolar acaba sendo lerdo, muita das vezes tornando-se maçante de assistir, porém vale muito a pena, todo a lição que é tirada do anime, tudo que se aprende com ele é mais do que gratificante, tornando assim um anime mais do que recomendado.

 

White Gold (Netflix)

5.7

57

5.7/10

Pros

  • Fotografia dentro da qualidade esperada

Cons

  • Cenas forçando o cômico
  • Nenhuma novidade de roteiro
  • Ritmo enjoativo ao longo da temporada
Continue lendo

Patrocinador

Relevantes

Todos os Direitos Reservados © 2018 Sociedade Dos Nerds
Todas as imagens de filmes, séries e etc são marcas registradas dos seus respectivos proprietários.

%d blogueiros gostam disto: